SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS - Chama ardente de Amor

- “Filho, filha, dá-me o teu coração!”  -   “Senhor, eu confio e espero em vós!”

O Sagrado Coração de Jesus é o próprio amor de Deus que arde em chamas pelo desejo de salvação da humanidade.

O Coração de Jesus também é imagem e símbolo desse mesmo amor divino, mas como se pode expressar uma realidade infinita por meio da limitação determinada por um frágil órgão humano, o coração?

Em termos exclusivamente humanos, é difícil aceitar a realidade do Coração amoroso do Deus que se fez carne para nos salvar, pois o Sagrado Coração manifesta a própria realidade trinitária revelada por Nosso Senhor Jesus Cristo.  

Infelizmente, a maioria da humanidade ainda desconhece o Amor que pulsa no Coração de Cristo, ignorando a sua divindade, assim como se desconhece a união amorosa que é a Santíssima Trindade, nosso único Deus. A ignorância ainda é mais desculpável do que as blasfêmias e injúrias que muito mais ofendem este mesmo Coração divino. 

Cabe a nós, que conhecemos a Cristo e seu Coração misericordioso, crer, adorar, louvar e glorificar sua divindade, oferecendo sacrifícios que testemunhem nossa fé, esperança e amor, desagravando as ofensas sofridas por Nosso Senhor.   

 Queremos estar unidos misticamente a Jesus e quem se une a Deus identifica-se aos sentimentos divinos pela fé e pelo amor. Quanto mais amamos a Deus mais queremos sentir e pensar aquilo que o Espírito Santo também sente e pensa. Aquilo que desagrada a Nosso Senhor também desagrada a quem ama a Cristo. O que machuca o coração do Pai também nos machuca se estamos unidos a Jesus, mas a alegria do seu Coração também será, um dia, a nossa plenitude, alimentando a esperança na Ressurreição e no Paraíso quando conheceremos a Pessoa de Cristo além de todos os símbolos.

 

 

 

Por enquanto, neste vale de lágrimas, devemos fazer todo o possível para estar próximos de Cristo, seguindo-o, sendo seus discípulos e missionários para que o amor de seu Coração seja mais conhecido, amado, adorado e glorificado por todas as pessoas. Jesus não quer que pereça nenhum daqueles que o Pai lhe entregou. O seu rebanho precisa estar protegido e cada ovelha somente pode sentir-se segura se está próxima ao seu divino pastor.

Quem nos dera estar tão próximos ao ponto de ouvirmos as batidas do seu próprio Coração! Quem nos dera fazer a refeição bem pertinho de Jesus para reclinarmos a cabeça em seu peito e sentirmos todo calor que procede do seu Coração e arde em chamas amorosas! Cristo não quer que ninguém sinta o frio do pecado, mas deseja que todos se aqueçam no Seu Amor. É impossível sentir frio estando perto do fogo. É impossível não sentir o Amor de Cristo alimentando-nos.

  Se da Eucaristia e freqüentando uma comunidade de forças vivas que almejam o discipulado autêntico dos missionários do divino Coração.

 Se o mundo sofre o inverno do desamor, das seitas, das mentiras, dos vícios e dos pecados, lembremo-nos que o Sol da Justiça nasceu da Virgem Maria e está brilhando no Coração de Cristo que se entregou pela nossa salvação, oferecendo até a última gota de sangue divino que ali transbordou. A Luz do Coração de Cristo brilha para iluminar a todos que se deixaram cair nas trevas. Ele, que é o Caminho, passa em nossos descaminhos mostrando a Verdade da Salvação. Larguemos nossas ilusões idólatras que nos escravizam e busquemos o jugo suave daquele que é manso e humilde de coração.

 A liberdade autêntica está no Coração. Entre o humano e o divino, entre o corpo e a alma, coloca-se a encruzilhada do Coração. Todo ser humano passa por ali algum dia, mais cedo ou mais tarde. Alguns querem negar, mas todos encontram dentro de si este núcleo de liberdade no qual cada um pode decidir-se diante de Deus: reconheço ao Senhor que me criou ou prefiro fingir que sou além do bem e do mal? Alguns querem atolar seu coração de pecado como se quisessem impedir o caminho divino para a Salvação. O inimigo de nossa alma, o diabo, faz muito barulho para assustar, querendo achar alguém para devorar. Precisamos ter coragem e lembrar que Cristo venceu essas forças tenebrosas graças ao poder da Cruz salvadora: no Coração de Jesus somos novas criaturas.

 Se já somos homens e mulheres novos em Cristo, o nosso Coração já não é meramente carnal, mas é agraciado divinamente pelo Espírito Santo. O nosso coração já não é mais pecaminoso e, louvado seja Deus!, não almeja mais aqueles bens ilusórios que tanto nos atraíam. Se ainda estamos a caminho da perfeição e, às vezes, caímos, não será por isso que olharemos para trás, mas, na graça do Espírito Santo, tenhamos uma “determinada determinação” de chegar ao final da meta, que é o Paraíso divino com Jesus e todos os santos, quando gozaremos da felicidade plena em Deus, nossa maior esperança. Amém.

 Sagrado Coração de Jesus, rogamos pelas intenções de maria da encarnaçao: providenciai.

 http://comsantateresa.org.br