NOSSA SALVAÇÃO ESTÁ EM JOGO - Senhor envia-nos!

Hoje muitos pagãos foram batizados, fizeram primeira comunhão, casaram-se na Igreja e muitos estão desfazendo os casamentos. Estamos diante de uma sociedade pagã e paganizante - na qual a política, a educação, a cultura e a economia também são pagãs em sua maioria. Não adianta querer tapar o sol com a peneira e não admitir isso.

Nossa própria salvação está em jogo, porque essa mentalidade "pouco a pouco" também está nos arrastando e nos seduzindo. Muitos estão se deixando levar pelos pecados, pelos erros, pelas doutrinas do mundo, como se fosse possível ser cristão e seguir as práticas mundanas ao mesmo tempo. Como se fosse possível crer em Deus e aceitar o aborto, as práticas de corrupção, de magia negra, de espiritismo, de consulta a horóscopos, a cartomantes, entre outras.

Todo o sofrimento pelo qual passamos e ainda passaremos vai servir para nossa purificação se nos dispusermos e lutarmos para nadar contra essa correnteza. Somos a bem-aventurada geração que terá de dar seu testemunho com muito suor e muita lágrima, e muitas vezes, sangue. Nossa geração terá muitos mártires. E um martírio não se faz sem preparo; no entanto, nós ainda não estamos preparados para amanhã ou daqui a alguns meses testemunhar Jesus e enfrentar a perseguição.

Para isso, o Senhor está nos preparando. Na situação em que estamos de afrouxamento e pouca disposição para nos doar à Igreja e aos demais, e cada vez mais materialistas, só pelo derramamento do Espírito Santo ( e a intercessão da Virgem Maria, dos santos, anjos e arcanjos) é que poderemos ter o ânimo retomado, a disposição renovada e o amor redobrado para servir e investir a vida na causa de Cristo.

Por isso, irmãos, mesmo sem vontade e sem forças, clamemos a vinda do Divino Amigo para que Ele nos restaure, proteja e fortaleça no combate. E nos prostremos para adorar nosso Deus, pois quem não adorar não vai agüentar!

?Dai-nos sempre o fogo de vosso Santo Espírito, que ilumine as nossas mentes e desperte entre nós o desejo de contemplar-vos, o amor aos irmãos, especialmente aos afligidos, e o ardor por anunciar-vos no início deste século.

Senhor Jesus, vinde e enviai-nos!
Maria, Mãe da Igreja, rogai por nós. Amém? (Papa Bento XVI).


seu irmão,

Padre Jonas Abib